Mais uma vez, o governo estadual atrasa os repasses constitucionais semanais do ICMS e Fundeb aos municípios. Os pagamentos que deveriam ser feitos no dia 2 de janeiro de 2019 não caíram nas contas das prefeituras e a dívida total já alcança a cifra de R$12,5 bilhões, segundo levantamento da Associação Mineira de Municípios (AMM) do dia 3 de janeiro. Neste total, estão incluídos também atrasos referentes ao transporte escolar, piso da assistência social, repasses da Saúde, multas de trânsitos e juros e correções.

A irregularidade no pagamento dos repasses semanais vem colapsando as gestões municipais. Muitos municípios já estão com salários dos servidores e fornecedores atrasados, além da paralisação de serviços básicos para atendimento à população.

E em meio a todo esse caos financeiro, Santana do Riacho permanece com sua demanda em dia com os seus servidores e fornecedores, mas não sabemos até quando iremos resistir, se o Governo do Estado não começar a pagar a dívida com o nosso município, que chega a quase 2 milhões de reais, ressalta o Prefeito André ferreira Torres.